Acolhedor e despojado: conheça o café Cookie Stories - Blog da Arqtto
638
post-template-default,single,single-post,postid-638,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-theme-ver-16.9,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.5,vc_responsive
 

Acolhedor e despojado: conheça o café Cookie Stories

Acolhedor e despojado: conheça o café Cookie Stories

A marca passou por uma grande mudança de branding, e a arquitetura da loja foi significativa no processo

 

No bairro Juvevê, em Curitiba, há um café que chama atenção não só pelo cheiro delicioso da comida, mas também pela arquitetura do lugar: o Cookie Stories.

Foto: Eduardo Macarios

 

As irmãs Camila e Rafaela Camargo começaram vendendo cookies on-line e foram crescendo, até que inauguraram a primeira loja física. Foi um momento de transformação para a marca, que passou por uma reestruturação completa e o café foi parte importante dessa mudança.

Camila e Rafaela queriam o imóvel perfeito. O espaço escolhido era antes uma loja de roupas íntimas, e foi deixado em más condições. Além disso, era preciso que a obra fosse entregue em curto prazo, para o negócio começar a funcionar.

Para reformar, contrataram o escritório Solo Arquitetos, que se envolveu com o processo de branding. O arquiteto responsável pelo projeto, Gabriel Zem Schneider, conta que foi uma experiência importante para o Solo, recém-criado: “foi um desafio. A arquitetura comercial é parte essencial da experiência que o público tem com uma marca”.

Foto: Eduardo Macarios

 

O conceito buscado era criar um espaço moderno e acolhedor, em que clientes dos mais diferentes perfis se sentissem bem vindos. A divisão dos ambientes foi feita por cima: a entrada do café, com pé direito simples, recebe as pessoas e direciona a atenção para o balcão, enquanto o salão, com pé direito duplo, proporciona uma sensação de amplitude e leveza, um lugar convidativo.

O projeto apresenta uma paleta de cores reduzida, com destaque para o cimento queimado no chão e em detalhes da parede e a madeira clara nos móveis. A cozinha fica no mezanino, fora do fluxo da loja. No salão, o público pode escolher entre mesas altas, mesas baixas e uma arquibancada: “algo como uma grande sala de estar onde todos são bem vindos”, define a descrição do Solo.

Foto: Eduardo Macarios

 

O resultado foi um ambiente dinâmico e atual, combinando com a personalidade descontraída da Cookie Stories. “A loja ficou com um design clean e aconchegante ao mesmo tempo, a arquibancada conversa bastante com esse público jovem e o projeto é bem diferente do que se vê por aí no ramo da confeitaria”, conta Camila.

Desde então, a marca tem se desenvolvido e abriu mais uma loja, com outras a caminho. Cada uma recebe a assinatura de um arquiteto ou escritório diferente. A Camila e a Rafaela optaram pela variedade de estilos nos cafés: “sentimos que essa é uma tendência mundial, o ambiente não precisa ser engessado. Hoje temos uma marca forte, identificada em ambientes diferentes, e isso agrega ao conceito inovador que queremos promover”.

O escritório Solo foi fundado em 2015 por seis jovens arquitetos: Gabriel Zem Schneider, Arthur Brizola, Franco Faust, João Cordeiro, Lucas Shinyashiki e Thiago Augustus. Os membros da equipe já haviam trabalhado juntos, em outros escritórios, projetos autônomos ou concursos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cookie Stories/ Solo Arquitetos
Rua Moyses Marcondes, 429, Juvevê
Ano do projeto: 2016
Ano de construção: 2017

Marcus Andreolli
marcus@arqtto.com.br
No Comments

Post A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.